banner_triunfo_02.png
  • Voz de Portugal

Repercussão do vídeo da reunião ministerial

Por Pedro Henrique de Sousa


Oito senadores, entre eles: Jean Paul Prates (PT-RN), Eliziane Gama (Cidadania-MA), Randolfe Rodrigues (Rede-AP), Fabiano Contarato (Rede-ES), Humberto Costa (PT-PE), Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB), Rogéria Carvalho (PT-SE), Weverton de Castro (PDT-MA) Twittaram sobre o conteúdo do vídeo dá reunião ministerial que ocorreu no dia 22 de abril, liberado parcialmente nessa última sexta-feira (22), pelo Ministro do Supremo Tribunal Federal, Celso de Mello. Segundo o site do STF, a decisão do Celso de Mello foi tomada no âmbito do inquérito 4831, no qual são investigadas as declarações feitas pelo ex-ministro da Justiça Sérgio Moro sobre “a suposta tentativa do presidente Bolsonaro de interferir politicamente na Polícia Federal”.

Com a decisão, qualquer cidadão poderá ter acesso ao conteúdo do encontro de ministros com o presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto há um mês. Celso de Mello também autorizou o acesso à íntegra da degravação do vídeo. Foram suprimidos apenas “trechos específicos em que há referência a dois países com os quais o Brasil mantém relação diplomática”, segundo o site do STF.

7 visualizações
banner_grupo cofico.png
banner_arouca.png
banner_bom e barato.png
banner_686 gourmet.png
banner_breeze's.png
banner_esc. contabil vieira.png
banner_seu antonio.png
banner_AAP.png

© 2020 por Voz de Portugal. Criado com amor por Nathalia Maciel